Cuidados a ter na exposição solar

Cuidados a ter na exposição solar

Os benefícios do sol são bem conhecidos, sobretudo na melhoria do humor e síntese de vitamina D, mas a exposição exagerada e não protegida pode ter consequências negativas. Saiba conviver de forma saudável com o sol: • A exposição solar deve ser lenta e progressiva. • Horas “seguras” são aquelas em que a nossa sombra é maior do que nós próprios (“regra da sombra”). • Evite a exposição solar em horas de “risco” (entre as 12 e 16 horas e, idealmente, entre as 11 e 17 horas) • Nos trópicos o “horário solar” é diferente, regule-se pela “regra da sombra”. • Proteja-se na praia, piscina, montanha, quando faz desporto ao ar livre ou nas “caminhadas” • Use chapéu (de preferência de abas largas), óculos escuros, camisola (que proteja o decote e braços e de tecido não poroso) • Na pele exposta utilize um protetor solar de índice de proteção solar ≥ 30, aplicado 30 min antes da exposição solar. Renove se molhou ou transpirou bastante. Procure uma sombra e/ou vista uma camisola ao fim de 2 horas. Beba bastante água. • Para garantir a proteção indicada, é necessário aplicar pelo menos 2 mg/cm2 de PS, o que equivale a cerca de 36 g do produto, aproximadamente 6 colheres de café. • Nos dias de vento e nevoeiro o sol é matreiro, queima sem darmos conta. • Basta uma exposição solar diária de alguns minutos, em áreas limitadas do corpo, para uma normal produção de vitamina D, pela pele • A exposição aos solários está completamente desaconselhada (não são seguros mesmo que usados com pouca frequência). • Faça o autoexame da pele com regularidade. Se tiver qualquer dúvida em relação a um sinal que surgiu ou modificou, não hesite em consultar o seu Médico de Família ou Dermatologista.

Últimas Notícias